Press "Enter" to skip to content

Role Play

Ares 0

Sempre que falamos de realizar as fantasias sexuais estamos falando de Role Play.

 

Role Play é nada mais, nada menos do que interpretação de papel, em tradução livre. Duas, ou mais pessoas, combinam um jogo e cada um escolhe seu papel para desempenhar.

Quando se interpreta um papel, você consegue saber quem é o “eu” real, e o personagem interpretado. Se o seu personagem, que você escolheu, é muito diferente do seu “eu real”, do dia a dia, você até consegue superar algumas características, como timidez.

Este jogo se torna tão sério quanto os praticantes envolvidos, são eles quem definem se é algo simples ou extremamente elaborado, incluindo cenas detalhadas incluindo cenários, roupas, mascaras.

 

O Role Play no BDSM é um elemento fortíssimo do jogo erótico, pra não falar que ele é o próprio jogo erótico. Quase tudo pode se tornar um Role Play, se tornando assim a base para qualquer experiência erótica, sem limites para o que pode ser utilizado, sejam acessórios, roupas, móveis, etc..

O próprio BDSM é um tipo de RolePlay. 😉

 

Não acredita?

 

Então me conte como foi sua sucessão ao trono para que se tornasse Rainha de alguma coisa? Rs

 

Quando escolhemos participar de alguma brincadeira BDSM, normalmente a coisa toda começa pela escolha dos papeis. Você e a outra pessoa escolhem o que cada um faz, e combinam os limites.

 

A maior diferença entre um Role Play Baunilha (não BDSM), e um Role Play BDSM, está o envolvimento de diferenças de Poder. Ou uma Hierarquia, que é bem a cara de uma relação de Dominação e submissão.

 

Os papéis neste caso, podem ser originários de posições de poder ou fantasias bem especificas e detalhadas. Algumas pessoas, como as que vivem um estilo Goreano, usam todo um mundo imaginário.

 

Usar um Jogo como esse, dentro da relação, seja ela de Dominação e submissão ou uma relação baunilha, podem fazer muito bem à relação.

 

Alguns exemplos de Role Play extremamente comuns e com uma perspectiva um pouco mais “séria”. rs

Essa é um Role Play de Médical Play, Enfermeira e paciente.

 

Essa é a versão Soft de Medical Play:

 

Um outro muito comum também, é o de Professor e aluno(a).

 

É interessante observar o tanto que um Role Play, constantemente vira um filme porno! rs

O fato de se permitir experimentar e vivenciar, mesmo que isso te coloque numa situação de “ator pornô provisório”, é extremamente excitante. Até a cumplicidade de poder rir de si mesmo.

 

Tenho outras situações para listar, quem sabe não funciona pra você?

Tudo relacionado ao fetiche medico, ou medical fetish. Doutor, enfermeira, paciente, em qualquer situação.

Prostituto(a) – Cliente, uma parte assume o papel de cliente a outra parte o papel de profissional do sexo.

Executivo(a) – Secretario(a), um é o chefão poderosissimo o outro é o subordinado.

Encanador(a) – Cliente, o profissional chega para um reparo na casa do cliente.

Mestre – Escravo(a), o escravo é obrigado a fazer todas as vontades do mestre.

Fotografo(a) – Modelo(a), umas fotos antes de uma brincadeira mais sexual.

Stripper – Cliente, Professor – Estudante, AgePlay, PetPlay, GenderPlay (Incluindo Feminização), Policial – Preso, Torturador – Cativo, Uniformes, etc.

 

 

Estes cenarios são extremamente flexiveis, até mesmo em que o papel de “poder” se submeta ao papel “inferior”, um policial que é dominado pelo preso, um medico que é dominado pelo paciente, etc.

 

As possibilidades são muitas, principalmente quando se mantém a mente aberta para estes jogos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *