Press "Enter" to skip to content

O que faz alguém experiente?

Ares 0

 

Estava, como de costume, surfando nas ondas da internet, e me deparei com alguém procurando um outro alguém, que fosse experiente, pois procurava aconselhamento.

 


Vi comentários se oferecendo e sabe quando você se questiona da capacidade do outro em ser especialista/experiente?

Isso aconteceu.

Não sei mesmo se quem se ofereceu podia ajudar quem pediu. Simplesmente pesquisei o perfil e não vi nada realmente de valor, além de fotos BDSM do google genéricas.

 

Vejo diariamente pessoas posando como experientesissimas, 5 anos, 10 anos, 20 anos de BDSM, e eventualmente cometendo erros de iniciantes.

Os erros variam muito em forma e intensidade, e normalmente são frutos de inexperiência.

 

Mas como assim 5 anos de experiência e comete erros por inexperiência? Rs

 

Se um Dominante, teve um parceiro(a) que gostava de levar uns tapas, ser amarrado e alguns xingamentos na hora do sexo, isso faz dele expert em spanking, em bondage e em humilhação?

Se isso aconteceu a 20 anos atrás, e depois ele entrou em um tipo de relação que só cabia papai-e-mamãe, ele tem 20 anos de experiência?

Portanto, essa pessoa começou a 20 anos, mas não necessariamente continuou aprendendo e se aprimorando.

Ele parou no tempo.

 

Um novato, que “descobriu” o BDSM a poucos meses, sabe que tem um longo caminho pela frente, lê tudo o que pode e se dedica a aprender o que é BDSM, tem mais valor do que um veterano que parou no tempo.

 

O que diferencia alguém que é feliz com o BDSM e alguém que é experiente mas não consegue ser feliz no BDSM, tem muito a ver com a curva de aprendizado.

A curva de aprendizado do BDSMer comum é mais ou menos assim:

– O que é BDSM?

– Quais são as práticas mais comuns?

– Como encontrar parceiro(a)?

– Está bom, parei ai…

 

A do Expert, costuma passar por todos estes aspectos:

– O que é BDSM?

– Quais são as práticas mais comuns?

– Como encontrar parceiro(a)?

– Por que as suas relações têm durado dias enquanto que há relações que tem amor e tesão e duram anos com uma D/s invejável?

– Como preservar sua identidade sem podar o futuro relacionamento?

– Como saber se você pode se mostrar completamente para alguém que conheceu na internet?

– Como ter segurança para ir ao encontro do seu flerte?

– Como escolher seu próprio nick?

– Como escolher o nick do parceiro?

– Quais os principais cuidados físicos com o parceiro?

– Como fazer cenas enxutas com poucos acessórios?

– Que tipo de acessórios preciso agora?

– Que tipo de acessórios posso fazer eu mesmo para ter algo personalizado e começar bem?

– Por que o que todo mundo faz parece tão banal?

– Que tipo de submisso eu quero?

– Que tipo de Dominante eu quero?

– Como descobrir os melhores eventos BDSM?

– Por que havia um grupo que parecia funcionar muito bem e não funciona mais?

– Como encontro parceiro na minha cidade de interior?

– Por que o parceiro errado sempre tem o poder de atrapalhar tudo?

– Por que algumas marcas duram mais do que outras?

– Como conhecer pessoas na internet?

– Como fazer o seu parceiro de longe vir ate você?

– Que tipo de prática tentar primeiro com quem não sabe nem o que é BDSM?

– Como saber quais são seus limites?

– Como ajudar um amigo baunilha a ver que o BDSM é pra ele?

– Como aprender as praticas na internet?

– Quais os principais cuidados psicológicos com o parceiro?

– Como reconhecer pessoas para se ter uma relação e pessoas para se ter uma única experiência?

– Como fazer cenas com uma masmorra completa?

– Que tipo de acessórios vou comprar em 1 mês, em 1 ano, em 10 anos?

– Como se organizar e encontrar bons artesãos para ter tudo aquilo que você sempre quis gastando um valor justo?

– Qual a diferença de práticas básicas para práticas avançadas?

– Como ter orgasmos únicos dominando?

– Como criar no submisso a vontade de te servir sempre?

– Como criar no dominante um tesão inabalável por você?

– Como envolver o submisso para que ele não queira mais ninguém?

– Como posso ser feio/gordo/careca e ter um submisso(a) capa de revista?

– Como ter uma masmorra e ainda ter dinheiro?

– Sempre quis ter sessão com mais de uma pessoa, como faço?

– Como não ceder à pressão do submisso?

– Como me organizar para poder ter mais de um submisso e ter tempo pra todos?

– Como faço para fazer todas as minhas perversões reais e ninguém ficar falando de mim?

– Como equilibrar casamento com BDSM?

– Como manter o casamento alheio ao BDSM?

– Como posso fazer uma sessão hard sem deixar marcas?

– Como criar uma cena?

– Cena precisa de roteiro?

– Como encontrar a roupa certa pra uma cena?

– Como planejar a sua cena e viajar com o mínimo de acessórios?

– Como colocar pressão na hora certa para tudo acontecer?

– Como saber a hora certa de parar?

– Ate que ponto ir com um submisso na primeira sessão?

– Por que até a palavra de segurança (safeword) tem que ser escolhida pelo Dominante e por que escolher?

– Como os filhos influenciam na relação BDSM?

– Como ter uma relação BDSM acima de qualquer suspeita?

– Como conhecer pessoas fora da internet e ter BDSM com elas?

– Como usar misturar Tantra e BDSM?

– Como misturar pompoarismo e BDSM?

– Como fazer uma cena de “estupro” com meu submisso?

– Como posso encontrar um Money slave que vai me dar tudo o que quero e ser feliz assim?

– Como vou ter um Money slave por muito tempo?

– Como posso encontrar um Dominante que vai ser uma versão melhorada de “Money slave”?

– Como vou poder ter um Money slave e garantir que ele não exerça domínio financeiro na relação?

– Como posso ter dois Money slave?

– Como posso ter três Money slave?

– Como ser Money slave e não quebrar?

– Como dar o que acho justo e nada mais para o meu Dominador financeiro?

– Como escolher o submisso certo para que eu tenha 2 ou mais submissos?

– Como começar a cena horas antes de se encontrar?

– Como deixar o seu parceiro com frio na barriga o tempo todo?

– Que tipo de locais posso fazer pequenas brincadeiras publicas sem problema?

– Que acessórios posso usar em cenas publicas?

– Sessão no meio de estranhos?

– Como fazer a primeira sessão inesquecível?

– Como ter seus acessórios BDSM em casa e ninguém saber?

– Como ter mobília BDSM em sua própria casa?

– Como ser mentor de alguém?

– Como saber o que se mistura ou não com BDSM?

– Dominação psicológica para tornar tudo mais intenso.

– Como fazer os melhores eventos BDSM?

– Eventos BDSM sob todas as suspeitas?

– Como reunir um grupo de BDSM para fazer coisas em grupo?

– Como organizar para poder ter meus eventos privados com meus amigos?

– Como reunir um grupo de whatsapp BDSM que realmente funcione?

– Como trazer meu marido / esposa pro BDSM?

– Como transformar baunilha em BDSM?

– Como transformar um “dominante” em submisso?

– Como ser SW e ainda dominar uma relação?

– Como ser submisso e fazer com que seu dominador faça tudo por você?

– Como ser Dominador e pedir que seu submisso aplique algumas práticas em você de vez em quando?

– Como colocar alguns gatilhos mentais para que seu submisso consiga até gozar no telefone com um comando de voz?

– Normalmente em qual idade as pessoas procuram determinados fetiches?

– Onde o parceiro mora influencia que tipo de praticas vou ter com ele?

– Onde o parceiro mora influencia que tipo de relação vou ter com ele?

– Como a sua postura influencia a sua autoridade?

– Como a sua postura pode deixar em duvida qual seu papel?

– Como usar a sua postura para atrair a pessoa certa?

– Como ter presença em qualquer ambiente para garantir que você vai ter a atenção da pessoa que deseja?

– Como ter presença virtual para que as pessoas certas te encontrem?

 

 

Consegue ter respostas para todas essas questões?

Se você não é feliz com o seu BDSM hoje, provavelmente tem a ver com não ter as respostas certas.

E pedir aleatoriamente alguém para te ajudar não vai resolver.

É normal não ter essas respostas, para a maioria das pessoas isso nunca vai fazer diferença. Mas para algumas poucas, poder se conhecer faz com que elas sintam muito mais prazer e sejam muito mais felizes.

Eventualmente essas respostas vêm de experiências vividas, situações boas e ruins, decepções e sofrimento. Com bastante paciência.

Encontre alguém que você admira e que já fez ou já viveu o que vc quer fazer ou viver, isso costuma facilitar para algumas respostas.

 

Eu já consegui encontrar estas respostas para mim, e ajudar algumas pessoas na busca por essas respostas, e garanto: quanto mais conhecimento, maiores as chances de vc se realizar no BDSM.

 

Continue lendo o blog, talvez possa te ajudar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *